Relacionamento ioiô não é brincadeira

Todo mundo já conheceu algum casal desse tipo: uma hora está junto, a outra separado, depois junto, depois separado. Ufaaa! Acompanhar esse vai e vem é quase impossível. É melhor até ficar quietinho para não dar nenhum fora, porque o “ex” – que ontem não podia nem ser mencionado mais -, hoje pode ser novamente o “atual” amor pra toda vida.

Mas, o que faz as pessoas voltarem para relacionamentos que muitas vezes juraram não ter volta?

Muitos fatores podem levar a isso, como insegurança, carência, solidão, medo de ficar sozinho, manipulação. A convite da jornalista Rafaela Polo, eu falei um pouco sobre isso para mais uma matéria do Universa UOL, que pode ser acessada neste link: https://www.uol.com.br/universa/noticias/redacao/2022/04/08/o-relacionamento-me-destruiu-qual-o-impacto-de-uma-relacao-ioio.htm.

Destaco nas imagens abaixo alguns trechos para vocês.

E você? Vive (ou conhece alguém que está vivendo) um relacionamento ioiô? Será que não é hora dos envolvidos pensarem numa terapia de casal ou individual para descobrir as raízes dessa situação e superar esse vaivém?

Afinal, ioiô só é bom em brincadeira de criança, não num relacionamento maduro.

Abs.

Lelah Monteiro (para agendar terapia individual ou de casal: 11 99996-3051)

Abs.

Lelah Monteiro – 11 99996-3051

Deixe um comentário