Olá! Gostaria de compartilhar com vocês o texto publicado no dia 06.09.20, por ocasião do Dia do Sexo, no Blog Novos Quarenta, da jornalista recifense Claudia Giane, e para o qual eu colaborei, como entrevistada. O tema: sexo depois dos 40 anos.

Reproduzo aqui um trechinho que acho muito importante (o texto na íntegra vocês podem ler neste link):

Então é isso? Com o passar do tempo terei que me conformar com o fato de que haverá cada vez menos sexo? Muita calma nessa hora, não precisa ser assim. “Essa história de ‘reduzir o ritmo’ depois de uma certa idade é coisa de nossas vovós! As pessoas mais velhas, hoje, querem muito mais fazer sexo, principalmente se elas estão ‘bem resolvidas’. Nessa faixa etária muitas pessoas – mais as mulheres do que os homens – decidem terminar relacionamentos desgastados e viver uma grande paixão, por exemplo. Para muitas, é o momento da grande virada, de optar por viver plenamente sua sexualidade. Reforço, porém: é preciso estar ‘com a cabeça boa’ – muitas pessoas sentem esse ‘chamado’, mas por falta de estrutura emocional não conseguem se libertar. Boa parte dos pacientes que atendo em meu consultório estão justamente tentando equalizar esse desejo de viver mais plenamente com as barreiras mentais que elas mesmas se impõem”, diz a sexóloga Lelah Monteiro

Ou seja, não é porque você chegou aos quarenta (ou passou deles) que sua vida sexual acabou, ok?

Mesmo assim está com dificuldade para enfrentar essa nova etapa da vida? Entre em contato e conheça um pouco do meu trabalho como terapeuta sexual – podemos agendar sessões presenciais ou online: Whatsapp 11 99996-3051.

Leave a Reply

Secured By miniOrange