Sete passos para superar uma separação conjugal

A separação de um casal, depois de algumas tentativas, às vezes é inevitável. Não é porque o relacionamento chegou ao fim que não deu certo. Muito pelo contrário, pode ter dado muito certo, pois há casais que viveram felizes por anos, construíram uma família, criaram os filhos juntos e agora cada um buscará novos rumos.

“Precisamos estar abertas(os) para a nova fase e, consequentemente, darmos uma nova chance de felicidade. Afinal dor de amor se cura com outro amor”, afirma psicanalista dra. Lelah Monteiro, terapeuta familiar e educadora sexual.

Segundo a especialista, o grande erro de algumas recém separadas é buscar amores casuais quando ainda estão fechando uma ferida. Relacionamento sem compromisso não pode ter cobrança no início, tem que começar aos poucos, conhecer as pessoas e, principalmente, se redescobrir. Há tempos em uma relação, a pessoa acaba se anulando, não fazendo o que gosta por causa do outro.

“Autoestima é a palavra da vez nestes casos, ter amor próprio, quebrar seu próprio tabus e crenças antigas. Mas por medo de se machucarem, por outro lado, se fecham e não curtem as novas experiências”, explica Lelah.

Dra. Lelah alerta para as culpas e preocupações excessivas, por exemplo, como filhos, casa e parentes. “A gente acaba se sabotando. Infelizmente é uma caraterística da mulher, que acha que vai fracassar outra vez”.
Sete passos para superar uma separação conjugal:

1-   Cuide de sua saúde física e mental. Que tal voltar a fazer aquela caminhada matinal ou entrar em uma aula de dança.

2-   Separe um tempo para sair com as amigas, ir ao shopping ou aquele barzinho para uma happy hour?

3-   Mude a cor e modelo do cabelo. Um novo visual faz milagres.

4-   Sabe aquela viagem que tanto queria fazer? Chegou a hora. Inspire-se no final da Julia Roberts – Comer, Rezar e Amar!

5-   Tente conversar sempre francamente com seus filhos e parentes sobre a separação

6-   Se puder, tenha uma relação amigável com seu ex-marido. Esse convívio social é importante para os filhos e netos

7-   Conheça seu corpo, se toque, saiba como ter prazer também sozinha. Por que não? Há no mercado muitos acessórios e brinquedos eróticos.

 

Matéria nos sites:  Atuais News, Segs e Just Game Hosts.

Leave a Reply